MECANISMO PARA FILTRAGEM E RETIRADA DE MICROPLÁSTICOS PROVENIENTE DE TECIDOS

Resumo: O plástico é uma solução viável para diversos fins e sem dúvida é um dos produtos mais utilizados em todo mundo. Entretanto, o descarte incorreto deste material tem gerado um dos maiores problemas ambientais da atualidade. com uma decomposição lenta, os plásticos vão se quebrando em pequenos pedaços e formando pequenas partículas denominadas de microplásticos. Estes, por sua vez, são ingeridos por animais filtradores e outros pequenos organismos e acabam sendo incorporados nas cadeias alimentares dos ambientes aquáticos, magnificando suas concentrações ao longo das cadeias tróficas. Um dos microplásticos gerados são provenientes de tecidos de poliéster, um tipo de plástico, que gera microplásticos fibrosos que são os a todas as lavagens para os reservatórios. Assim, este trabalho teve como objetivo a elaboração de um mecanismo que fosse autônomo , de baixo custo e que fosse capaz de retirar os microplásticos dos ambientes aquáticos. Para tal foram impressas, em impressora 3D, um tipo de roldana, de diferentes tamanhos que ao girar, se enroscaram nestes plásticos, fazendo a retirada destes materiais de ambientes aquáticos.
Palavras-chave: Plástico
, Microplástico
, Poluição
, Oceanos

Estudante (s) pesquisador (es)

Leonardo Ziober Raymundi
Série: 6º ano

Orientadores(as)

Fabio Luiz Ferreira Bruschi
VOTE NO PROJETO

Utilize o botão abaixo para votar nesse projeto